LEVANTE SEU ASTRAL

GARANTA A HARMONIA EM CASA, ESTAR BEM CONSIGO MESMO, AJUDAR O PRÓXIMO… ENFIM, DICAS NÃO FALTAM PARA VOCÊ SE SENTIR CADA VEZ MELHOR E AINDA FAZER FELIZ QUEM ESTÁ AO SEU LADO.  EXPERIMENTE!

Manter a alimentação balanceada, praticar atividade fisica regularmente, não fumar, evitar o consumo de bebidas alcoólicas… enfim, todo mundo sabe que para preservar a saúde é preciso cultivar hábitos saudáveis. Fomos atrás de psicólogos, psiquiatra, professor de ioga, aromaterapeuta e uma professora de autoconhecimento com o objetivo de dar um reforço a essas regras básicas de qualidade de vida. Separamos 15 dicas práticas. Aproveite!

1 — Comece bem o dia. Segundo o professor de ioga, para que isso aonteça vale a pena apostar na sincronia entre respiração profunda e ritmada com o movimento. Para quem conhece, a saudação ao sol é a melhor forma de executar esta técnica, chamada de vinyasa, mas iniciantes podem fazer uma adaptação. Ele ensina: com movimentos ascendentes, inspire. Já ao fazer movimentos descendentes, expire. Então comece em pé, elevando os braços e inspirando. Desça o tronco e os braços à frente, expirando. Simples assim. Faça cinco vezes.

2 — Novamente, dê atenção à respiração. Para o nosso cérebro funcionar é preciso oxigênio. E é a respiração lenta e profunda que faz bem para a saúde e promove bem-estar, afirma. “Experimente parar alguns minutos e respirar profundamente. Você sentirá os benefícios: sua mente ficará mais clara e conseguirá focar a atenção no momento presente. Quanto mais profunda for sua respiração, melhor. O professor de ioga diz ainda que, para o ar novo entrar, o velho tem que sair. E, a cada respiração, expire mais profundamente para que o ar novo entre em seus pulmões. Contraia seu abdômen até todo o ar velho sair e deixe seus pulmões expandirem com a entrada do novo. Sinta a energia entrando em todo seu corpo, respire e viva.

3 — Seja um pouco criança. Como? Segundo a psicóloga, projetando as coisas boas que estão à sua volta, cultivando as relações e deixando o ambiente agradável.

“Para isso é preciso se cercar de objetos e pessoas com os quais se identifica. Isso em casa ou no ambiente de trabalho”

 alegria.jpg

4 — Ponha-se mais no lugar do próximo. Iso fará com que tenha vontade de ajudar os outros. “Fazer o bem só faz bem, não só para quem recebe esta ação quanto para quem é solidário”. O narcisismo traz insatisfação. “A pessoa vai querer buscar mais, nunca estará completa. Já quem tem o espírito solidário, se sente melhor por fazer o bem e, com isso, ajudará a construir um mundo mehor”.

5 — Pense em você também. Ser solidário não significa esquecer de si próprio. A psicóloga lembra que, para ajudar, é essencial estar bem. “Para e se concentre nas suas necessidades . É o que chamamos de narcisismo primário. Quando a pessoa esquece de si mesma, não consegue ser boa cuidadora”. Assim, a dica é realizar coisas que façam você se sentir bem. “Más tudo tem que ter um significado. Pequenos agrados só funcionam quando têm algun sentido”.

6 — Escolha o que come. Que uma dieta balanceada faz bem à saúde, todo mundo sabe. Más você já ouviu falar que comer uma castanha-do-pará por dia garante a quantidade de selênio de que o organismo precisa? A nutricionista explica que o selênio possui ação antioxidante, ou seja, ajuda a eliminar substâncias tóxicas no organismo, retarda o envelhecimento e oferece proteção a pele contra os raios ultravioleta. Atum, miúdos, levedo de cerveja, gérmen de trigo, brócolis, couve, cebola, alho, repolho, rabanete e tomate são outras fontes importantes.

7 — Controle a TPM. Quem aguenta irritabilidade, nervosismo, ansiedade, mudança de humor, insônia e compulsão alimentar? Esses são alguns dos sintomas da tensão pré-mustrual, que podem ser minimizados com alimentação equilibrada. Tatiana Pimentel indica alimentos ricos em vitamina B6 (carne bovina, aves, ovos, peixe, aveia, banana, gérmen de trigo, levedo de cerveja, semente de girassol, abacate, cereais integrais, banana, leguminosas e castanhas), magnésio (cereais integrais e vegetais folhosos escuros, leguminosas, sementes, nozes, peixes, carne bovina, leites e derivados), ácido fólico (vegetais folhosos escuros crus) e triptofano (açai, damasco, banana, arroz e cereais integrais).

8 — Relaxe antes de dormir. A especialista em aromaterapia e psicóloga, recomenda o bom velho escalda-pés. Misture dois litros de água morna e 15 gotas de óleo essencial de lavanda e mergulhe os seus pés. Depois aposte numa automassagem. Não falha.

9 — Relaxe completamente e tenha uma boa noite de sono. A dica para uma noite bem-dormida é pingar duas gotas de óleo essencial de lavanda numa bolinha de algodão e colocá-la entre a fronha e o travesseiro.

10 — Harmonize sua casa. A dica da psicóloga, que trabalha com numerologia e feng shui, é distribuir cristais pelos ambientes.”Três são fundamentais: ametista, quartzo rosa e cristal de quartzo branco. É o trio da harmonia”. Ela explica que a cada sete dias eles devem ser colocados em água com sal grosso por uma noite. Também é bom ter flores frescas, acender incenso e deixar as janelas abertas para que o sol entre. Colocar sinos dos ventos nos corredores e perto das janelas também funciona. “Nas janelas, é muito bom pendurar cristais facetados para que, ao refletirem a luz do sol, formem um arco-íris dentro de casa.

11 — Elimine os pensamentos negativos. É preciso treinar a mente com os aspectos positivos da vida, “como observar apenas coisas boas e bonitas que reflitam a perfeição da Criação Divina. Isso é excelente e funciona mesmo”. As dicas são: fixar a atenção em flores, paisagens bonitas, ler bons livros, ouvir música suave e meditar. “Tudo isso tira a mente da escuridão e aumenta a luz.

12 — Aprenda a lidar com o sofrimento. A historiadora e professora de autoconhecimento e integração, diz que conviver harmonicamente com a realidade inclui se relacionar bem com situações boas, de prazer, e ruins, de dor.  “Não adianta se apegar sómente ao que lhe dá prazer. O apego traz dor. Há pessoas que observam o pôr do sol e pensam. Que pena, ele vai acabar. É preciso curtir o momento”. Mais: ignorar o sofrimento não vai fazer com que deixe de existir.

13 — Pare de reclamar. Esse tipo de comportamento faz com que a pessoa desanime, perca o entusiasmo, fique com a autoestima cada vez mais baixa e deixa de ver as oportunidades que estão sendo oferecidas e, muitas vezes, podem não voltar. “Para mudar este padrão é importante desenvolver uma óptica mais abrangente, tentar descobrir o que a vida exige neste momento”. Como? Pergunte a si mesmo: Que dados novos isso me trouxe? O que posso aprender com essa situação? Como escolho lidar com ela? Qual habilidade preciso exercitar? Atenção? Paciência? Persistência? “O mais importante não é o que nos acontece, mas como reagimos diante desses fatos. Em uma situação de sofrimento, por exemplo, alguns se abatem, outros aproveitam para crescer”.

14 — De ollho no estresse. Você sabia que ele pode ser tanto negativo quanto positivo? Psiquiatra e psicoterateuta da Associação Brasileira de Psiquiatria, lembra que o estresse controlado motiva.”Já a falta de estresse pode levar ao tédio e a tristeza”. O problema acontece quando forem identificadas condições fisicas e psicológicas associadas, como sintomas cardiacos, dor sigicativa, ansiedade ou depressão.

15 — Mantenha o controle. Para administrar as pressões do dia a dia, recomenda-se a técnica de relaxamento, como exercícios de respiração profunda, meditação e massagem. Más há outras opções que podem estar bem à sua frente. Ouça música, tire férias, invista em atividades agradáveis, tenha tempo para o lazer, um animal de estimação e cultive o senso de humor nas situações difíceis. Ou seja, CURTA A VIDA!.

143 comentários sobre “LEVANTE SEU ASTRAL

  1. Gostei muito, foi bom em saber que há dois tipo de extresse, isso min faz pensa que tudo tem o lado bom i ruin adorei a dica da respiração profunda para alcamar fuciona de verdade.essa pagina só ajuda que Deus de cada vez mais sabedoria a vcs beijos

Os comentários estão encerrados.